Qui, 06 Outubro, 2022  |

Candidatura da SIMDOURO ao SIFIDE gera crédito fiscal superior a 200 mil euros

A SIMDOURO apresentou uma candidatura, em 2021, ao Sistema de Incentivos Fiscais à Investigação e Desenvolvimento (SIFIDE), que visa aumentar a competitividade das empresas apoiando o seu esforço nesta matéria.

A candidatura apresentada foi apreciada pela Agência Nacional de Inovação, S.A. (ANI), que entendeu que “as despesas apresentadas respeitam a atividades de I&D trazem novidade e avanço ao estado da arte no setor ”, dando deferimento integral à candidatura.

Esta aprovação permite à SIMDOURO beneficiar de um crédito fiscal no montante aproximado de 207.900 EUR, valor correspondente ao valor máximo atribuível.

Foram apresentados os seguintes projetos de ID:

  • Autossuficiência energética na ETAR de Paço de Sousa a partir da codigestão de efluente industrial:

O projeto Co-DIGEST-PS pretendeu otimizar a digestão anaeróbia e investigar a possibilidade de tratamento de um novo efluente industrial na ETAR de Paço de Sousa, por codigestão anaeróbia, determinando a viabilidade e eficiência de tratamento do efluente e de geração de biogás.

  • Neutralidade Energética na ETAR de Gaia Litoral – Arejamento:

O projeto de Neutralidade Energética na ETAR de Gaia Litoral, que investigou e reconfigurou o processo de arejamento dos reatores biológicos desta ETAR com o objetivo de promover uma maior eficiência do processo e reduzir custos de operação com energia.

O SIFIDE é um benefício fiscal criado com o objetivo de incentivar os investimentos em I&D é uma oportunidade única para reforçar o empenho da SIMDOURO na inovação, aumentando a competitividade e crescimento sustentável da empresa.